A importância de trabalhar com locação de imóveis na crise

A importância de trabalhar com locação de imóveis na crise

Para muitos, a crise causada pelo COVID-19 significou lojas e comércios fechados. Restaurantes, cinemas, clubes, bares e varejistas precisaram fechar as portas para conter a contaminação pelo vírus. Apesar de serem medidas extremamente necessárias, a economia sofreu bastante. Quem trabalha com locação de imóveis na crise e é especializado em imóveis comerciais já teve várias surpresas.

Muitos negócios entraram em contato com o dono do imóvel para pedir diminuição no valor do aluguel ou até prorrogação do pagamento. Em outros casos os contratos foram encerrados, já que o comerciante não tem previsão de retorno e prefere voltar para sua cidade natal. 

A locação de imóveis residenciais também sofreu bastante. Afinal de contas, quem não consegue trabalhar dificilmente garante renda para pagar o aluguel. Portanto, locatários por todas as partes, especialmente nas cidades mais afetadas, vem pedindo carência, diminuição do valor, entre outras alternativas. 

O cenário parece desesperador para os donos de imóveis. Mas, por incrível que pareça, nós insistimos que a locação continua sendo importante para qualquer imobiliária que deseja superar a crise!

Por que investir na locação de imóveis na crise? 

Apesar de 2020 ter iniciado com uma leve recuperação do setor imobiliário, especialmente na venda de imóveis, as medidas tomadas pelo governo contra o COVID-19 diminuíram muito esse crescimento. Agora a tendência é que as pessoas segurem os investimentos até que a economia se estabilize. 

No entanto, imobiliárias ainda precisam de uma fonte de renda para sobreviver, não é mesmo? Por isso a locação é tão importante! Mesmo com os problemas que mencionamos anteriormente, ela é uma renda recorrente. 

Atualmente todo o mercado busca a recorrência como solução para seus problemas financeiros. Ela ajuda a ter uma previsão de renda mensal, ou seja, a planejar-se financeiramente sem deixar os gastos saírem do controle. Com essa renda sua imobiliária consegue cobrir seus custos e evitar “ficar no vermelho”. E tudo isso mesmo que os aluguéis precisem ser renegociados!

Além disso, o aluguel aumenta muito sua base de clientes. Você pode se relacionar com o proprietário e locatário e, ainda, ter acesso aos fiadores ou pessoas próximas ao locatário. Eventualmente esses novos contatos podem gerar novas vendas ou locações para sua imobiliária. 

Receitas indiretas: solução para escapar à crise

Existem ainda as receitas indiretas que vêm junto ao aluguel. As principais delas são: 

  • Seguro incêndio; 
  • Seguro fiança; 
  • Títulos de capitalização. 

Todas essas modalidades de seguro ou garantia geram comissões para sua imobiliária. Apesar de não ser possível transformar essas receitas no principal lucro do negócio, eles ajudam a manter o dinheiro fluindo. 

E o risco de inadimplência ao trabalhar com locação de imóveis na crise?

O maior medo de quem está tentando trabalhar com locação de imóveis na crise é a inadimplência e o risco realmente existe. Em momentos de problemas econômicos a tendência é que os números aumentem, mas não pense que isso significa o fim dos rendimentos da sua imobiliária!

Existem formas bastante simples de diminuir a inadimplência e garantir a renda recorrente da imobiliária. Confira!

Como reduzir a inadimplência durante a crise

Uma alternativa de controlar a inadimplência com a locação de imóveis na crise é escolher métodos de pagamento que sejam independentes da organização financeira do locatário, como é o caso do pagamento de aluguel via cartão de crédito

Após o locatário optar pelo pagamento com cartão de crédito, você tira a responsabilidade das mãos dele, já que o pagamento passa a ser feito diretamente na fatura do cartão, entre ele e o banco. Fica muito mais prático para todos os envolvidos!

E quem trabalha somente com o tradicional boleto, como fica? Também é possível reduzir a inadimplência nessa modalidade. No entanto, sua imobiliária precisa estar muito bem organizada e criar um procedimento eficaz de atendimento e notificações de cobrança. Nesse caso, quanto mais automatizar esses processos, mais fácil para sua imobiliária que está com uma demanda maior nesse tempo de crise.  

Além disso, algumas imobiliárias estão buscando alternativas de negociação e parcelamento do aluguel, para que todos os envolvidos fiquem satisfeitos e ninguém seja prejudicado.

Percebeu como a locação de imóveis na crise pode ser uma solução para seu negócio? Comece a utilizá-la como estratégia e sua empresa estará pronta para crescer e estabilizar sua renda mesmo após os meses mais turbulentos!

Compartilhar

Comentários

comentarios