Como reduzir a inadimplência imobiliária recebendo com cartão de crédito

Como reduzir a inadimplência imobiliária recebendo com cartão de crédito

A inadimplência imobiliária é uma das principais dores do mercado, já que, neste caso, os valores de transações ultrapassam cinco dígitos. 

De acordo com o professor Ricardo Rocha, em entrevista ao Correio Braziliense, o número de endividados brasileiros é maior do que a população de cada país da América Latina. São 63,4 milhões de pessoas, segundo o Serasa Experian, batendo o recorde de inadimplentes desde 2016.

A boa notícia é que esse quadro pode mudar, já que há uma nova maneira de cobrar o aluguel e reduzir essa taxa de inadimplência imobiliária. Confira qual é e como ela vai revolucionar o mercado. 

Inadimplência imobiliária com pagamento tradicional de aluguel

Com o processo tradicional de cobrança de aluguel, via emissão de boleto, há uma série de problemas que podem impactar diretamente a saúde financeira da imobiliária e a gestão dos imóveis como um todo.

Atualmente, a imobiliária depende de dois fatores totalmente incontroláveis até então: a memória do locatário e a organização financeira dele. 

Levando em consideração os números alarmantes, é fundamental tomar algumas providências para minimizar os impactos da inadimplência nacional no setor imobiliário, caso contrário, as consequências podem ser fatais.

Para isso, proporcionar processos que ajudem o locatário a se organizar financeiramente e garantir que a imobiliária receba o pagamento independentemente da situação do mercado, é uma jogada de mestre para salvar qualquer negócio. 

Como reduzir a inadimplência imobiliária recebendo com cartão de crédito definitivamente

Acabe com a inadimplência imobiliária recebendo o aluguel via cartão de crédito

A solução encontrada para evitar os problemas citados anteriormente é a cobrança de aluguel por cartão de crédito. Essa já é uma realidade no Brasil que veio para revolucionar a maneira de alugar imóveis. 

Mas por que isso foi possível apenas agora? Até então, o principal problema que impossibilitava o uso do cartão de crédito para pagamento de aluguel eram as altas taxas cobradas pelas bandeiras dos cartões. 

Se uma imobiliária recebia 08% do valor cobrado, por exemplo, tinha que pagar cerca de 3% para o cartão, o que acabava gerando prejuízo. Mas agora, a empresa responsável por essa revolução no mercado conseguiu uma negociação de taxa fixa com as bandeiras MasterCard e Visa, eliminando o alto custo das porcentagens padrões cobradas.

Como funciona o aluguel via cartão de crédito?

O processamento do aluguel no cartão de crédito funciona da seguinte maneira: há a integração de uma conta digital para pessoas jurídicas ao sistema de gestão financeira. A partir disso, o locatário tem a liberdade de escolher como pretende pagar o aluguel, desde que a imobiliária ofereça a ele essa nova possibilidade.

Ao optar pelo cartão de crédito, a imobiliária passa a receber o valor do aluguel baseada na data em que a cobrança foi processada, já que esta forma de recebimento, não depende da ação do locatário em pagar, e sim imobiliária executar o processamento de cobrança no sistema de gestão.
Esta ação reduz inclusive a inadimplência da imobiliária.

Por isso, o boleto é gerado com 35 dias de antecedência em relação ao vencimento, para que o processamento possa ser feito em até seis dias e não haja atrasos que possam atrapalhar o fluxo de caixa da imobiliária. 

Caso não seja possível realizar o processamento por motivos de falta de limite ou qualquer outro problema relacionado ao cartão de crédito dentro desses seis dias, o locatário terá que pagar a fatura do mês pelo boleto como fazia antigamente. Caso dê certo, a fatura será cobrada no cartão normalmente. 

Vale lembrar que, com o sistema de gestão integrado à conta digital, tudo é automatizado, então todos os envolvidos são informados sobre as transações, principalmente caso haja algum problema do cartão durante o processamento, para que ninguém seja prejudicado durante o processo. 

Vantagens de receber o aluguel via cartão de crédito

Agora que você já entendeu como funciona esse novo método de pagamento, é importante entender porque ele é a melhor alternativa para as imobiliárias, locatários e proprietários no processo de locação de imóveis. Confira: 

#1 Baixa na taxa de inadimplência imobiliária

A vantagem mais importante para imobiliária é que ela receberá o valor do aluguel, independentemente se o locatário pague ou não a fatura do cartão de crédito, já que a dívida dele passará a ser com o banco, não com a imobiliária, como acontece hoje com o recebimento por boleto. Isso ajuda e muito a reduzir aquela taxa de inadimplência que foi apresentada no início deste material.

Fora isso, vale lembrar que é muito mais fácil que o inquilino tenha limite no cartão de crédito do que dinheiro vivo em mãos para pagar o aluguel todo mês. Assim ele passa a centralizar as contas uma única fatura e organizar a vida financeira dele, também. Acaba sendo uma vantagem para ambos os lados! 

#2 Vantagens para os locatários

Além da imobiliária, o locatário também tem muitas vantagens ao pagar o aluguel usando o cartão de crédito. 

A primeira delas é a comodidade de ter o aluguel cobrado diretamente na conta do cartão de crédito, assim como já acontece com a assinatura de recorrência de streaming, como Netflix e Spotifiy, por exemplo. 

A segunda é o acúmulo de pontos. Dependendo do cartão de crédito e do clube de pontos que o locatário participe, ele pode trocar as pontuações acumuladas por produtos, descontos e ainda juntar milhas para viajar. 

A terceira é o fim das multas. Com o aluguel na fatura do cartão de crédito, o locatário não terá que que pagar mais multas referentes ao atraso da prestação do imóvel, nem emitir 2º via do boleto. 

#3 Diferencial competitivo

São poucas as imobiliárias que têm o mindset voltado para inovação no mercado, que usam a tecnologia para solucionar problemas e melhorar a maneira de fazer negócio. 

Por isso, usar de recursos inovadores é um grande diferencial, principalmente o pagamento de aluguel via cartão de crédito, que, até então, é inexistente e vai revolucionar a maneira de alugar imóveis

A imobiliária que optar por esse novo recurso levará o negócio a outro patamar, garantindo uma vantagem competitiva muito grande. Além disso, irá atrair mais clientes, principalmente aqueles que buscam soluções práticas e seguras para ter uma vida financeira mais tranquila, sem risco de se tornarem inadimplentes.

fim da inadimplência imobiliária com recebimento de aluguel via cartão de crédito

Como receber o aluguel com cartão de crédito

Agora que você viu que é possível reduzir a inadimplência imobiliária com o pagamento do aluguel no cartão de crédito, chegou a hora de conhecer quem foram os precursores responsáveis por essa revolução no setor: Superlógica e PJBank.  

Superlógica: sistema de gestão imobiliária

A Superlógica Imobiliárias é a primeira plataforma de gestão financeira e administrativa de imóveis online do Brasil. Com ela é possível que a imobiliária tenha o controle de atividades relacionadas aos imóveis dentro plataforma, transitando as informações dos sistemas integrados e administrando tudo em um único lugar. Tudo com segurança e qualidade sempre como prioridade número um. 

Como líder do mercado, a Superlógica inovou mais uma vez e é a primeira, também, a permitir a emissão do pagamento de aluguel no cartão de crédito com a integração ao PJBank. 

PJBank: conta digital para empresas

O PJBank é uma Conta Digital para Empresas especializada em meios de pagamentos – que funciona por meio de uma instituição de pagamentos e surgiu para diminuir a burocracia das empresas, automatizando processos, já que está integrado a um sistema de gestão. Para o recebimento do aluguel no cartão de crédito, essa integração é feita ao software da Superlógica. 

Com a automatização, é possível economizar tempo e dinheiro, aumentar a produtividade e garantir a segurança das informações, já que o PJBank segue todas as exigências de PCI-DSS, além de possuir controles anti fraude e antivírus nos processos executados.

Conclusão

É preciso acabar com a inadimplência representada por 40,6% da população total brasileira, que está afetando diretamente o setor imobiliário! Para isso, o primeiro passo é a adesão do pagamento e recebimento de aluguel por cartão de crédito. 

Isso é necessário para as imobiliárias que querem se destacar no mercado, driblar a concorrência e garantir o que há de melhor para seus clientes. É imprescindível investir em tecnologia de ponta. 

Inovação e transformação andam juntas e são elas que farão do futuro das imobiliárias um sucesso absoluto. Portanto, é preciso se atualizar sobre o que há de novo no setor, com base nas dores da própria empresa e dos clientes, para revolucionar a maneira de alugar imóveis no Brasil.

Faça história e junte-se às imobiliárias do futuro. Comece agora a cobrar o aluguel diretamente na fatura do cartão de crédito. É simples, seguro e transformador. Quer saber mais? Preencha o formulário e entre em contato com nossos consultores. 





Compartilhar

Comentários

comentarios