Marketing de performance: o que é e como aplicar nas imobiliárias

Por: Superlógica Tecnologias3 Minutos de leituraEm 02/05/2022Atualizado em 19/05/2022

O marketing de performance é uma abordagem que permite às imobiliárias gastarem melhor seus recursos destinados à aquisição de novos clientes.

Neste outro post, apresentamos o conceito de big data e as oportunidades que o monitoramento e análise de dados trazem para imobiliárias.

Pois o marketing de performance é faceta do marketing digital que se tornou viável justamente graças ao big data: a partir dos dados sobre o comportamento dos usuários, a empresa aprimora os anúncios para que eles passem a gerar mais leads e conversões.

Siga a leitura para saber mais!

O que é marketing de performance?

Marketing de performance é uma abordagem do marketing digital na qual as ações de captação de clientes são planejadas e otimizadas constantemente a partir da análise de dados. A intenção é obter o melhor desempenho possível a partir do orçamento disponível.

E o que quer dizer desempenho? A resposta está nos números de métricas como:

  • Impressões: se um anúncio tem 5 mil impressões, isso significa que foi exibido 5 mil vezes para o público.
  • Cliques: é quando o usuário visualizou o anúncio, foi impactado e clicou no link anunciado.
  • Leads: um usuário se torna um lead quando manifesta interesse na empresa, compartilhando suas informações (nome, telefone e e-mail, por exemplo) ou entrando em contato com alguma dúvida sobre os produtos ou serviços.
  • Novos clientes: são os usuários que foram impactados pelas ações de marketing digital e acabaram fechando negócio com a empresa.

Os números brutos podem ser cruzados para gerar indicadores. O CPC, por exemplo, é o custo por clique: quanto a empresa gastou para cada clique que o anúncio recebeu.

No caso das publicações em redes sociais, há outro indicador de desempenho muito importante, o engajamento, que é calculado a partir dos números de curtidas, comentários, compartilhamentos e cliques.

No fim, o objetivo do marketing de performance é ter um bom retorno sobre o investimento (ROI): métrica que relaciona o dinheiro investido em ações de marketing com as receitas obtidas graças a essas ações.

Principais plataformas de tráfego pago

A maneira mais eficiente de investir em anúncios digitais é utilizando as ferramentas de publicidade de plataformas que o seu público-alvo utiliza e aproveitando suas opções de segmentação.

As principais plataformas são:

  • Google Ads: os anúncios criados pelo Google Ads são exibidos nas páginas de resultados do buscador e em sites parceiros.
  • Facebook Ads: na rede social mais usada no mundo, você pode criar anúncios que serão exibidos apenas para as pessoas com as características (localização, faixa etária, preferências, etc.) que você desejar.
  • Instagram Ads: crie anúncios com fotos e vídeos no feed do Instagram ou até mesmo nos stories.
  • Youtube Ads: para imobiliárias que têm condições de criar vídeos de alta qualidade.
  • Linkedin Ads: a plataforma de anúncios do Linkedin é uma boa opção para imobiliárias especializadas em atender empresas.

Como implementar o marketing de performance na sua imobiliária

Agora que você já sabe o que é marketing de performance e quais são as principais plataformas para anunciar, confira algumas dicas para implementar sua estratégia com sucesso.

1. Entenda quem são os leads qualificados

Lembra das principais métricas do marketing de performance que apresentamos antes? Reforçando:

  • Impressões
  • Cliques
  • Leads
  • Novos clientes

Note que elas formam um funil: um clique ocorre depois de uma impressão, um novo lead depende de um clique e um novo cliente é antes um lead.

É ótimo ter um grande número de usuários entrando nesse funil, desde que não se perca a noção de que o objetivo principal é obter novos clientes.

Então, de nada adianta criar conteúdos e anúncios que geram muito tráfego se a maior parte dos usuários atraídos não pertence ao público com mais chance de conversão.

Para uma imobiliária, pode fazer sentido atrair jovens universitários (que procuram um imóvel próximo à universidade) para alugar, mas não adolescentes em idade escolar ou crianças.

2. Segmentação e conteúdo

Depois de identificar qual é o perfil de usuário que você deseja impactar, é preciso entender como a plataforma funciona, utilizar as opções de segmentação de modo a exibir o anúncio para os usuários certos e criar uma mensagem que esteja de acordo com as necessidades desses usuários.

No Google Ads, por exemplo, você pode anunciar nos resultados de buscas por termos como “apartamento para alugar em [nome da cidade ou bairro]” e linkar para uma página no site da imobiliária que lista os imóveis disponíveis naquela localidade.

Há várias opções para refinar o investimento, como direcionar o anúncio apenas para usuários que já interagiram com outros anúncios seus (remarketing).

3. Monitore e atualize

Para que isso tudo seja considerado marketing de performance, é preciso analisar o desempenho dos anúncios criados e adaptar as ações de acordo com o que os números mostram.

Como fazer isso? A melhor maneira é contando com uma plataforma feita especialmente para essa finalidade. Essa ferramenta é o Arbo Performance, que qualifica a geração de leads com estratégias especializadas que já foram brutalmente validadas em campanhas reais e bem sucedidas.

Conheça a plataforma Arbo Performance ou entenda como a Arbo encara o marketing de performance.

Leitura Recomendada