Como empresas de comunicação visual podem reduzir custos com um ERP

Para serem eficientes e lucrativas, as empresas de comunicação visual têm alguns desafios: gerenciar os custos e encontrar os fornecedores e materiais com o melhor custo-benefício.

Mas como gerenciar bem os custos de criação das mídias? Como elaborar o melhor orçamento para um outdoor ou entender rapidamente como encontrar o melhor custo para a formatação de um banner ou adesivo?

Uma das soluções é adotar um ERP, sistema de gestão financeira que fornece relatórios gerenciais de todo o negócio. Os dados auxiliam nas tomadas de decisão e evitam gastos desnecessários.

Faça um bom orçamento com rapidez

Sistemas EPRs (plataformas de gestão financeira) conseguem agilizar a emissão de orçamentos e mostrar à empresa de comunicação visual os preços de materiais e máquinas que devem ser utilizados para elaborar o orçamento.

Integrar todas as informações em um único sistema, além de agilizar a elaboração de um orçamento, também organiza as informações, considerando que agências de comunicação visual atendem clientes de diferentes ramos.

Ao estruturar todos os dados, os funcionários da sua empresa irão visualizar facilmente o custo de cada item do projeto, como a impressora utilizada, por exemplo.

Controle o seu estoque

Um bom planejamento é essencial para entregar as peças gráficas dentro do prazo. Um projeto nunca pode ser atrasado por falta de materiais.

Em softwares de gestão financeira, como o Superlógica SIGN, empresas de comunicação visual podem cadastrar as compras e gerenciar o estoque. Além de gerar relatórios e oferecer filtros avançados, o sistema alerta quando o produto atinge a quantidade mínima estipulada pela empresa.

Antes de cadastrar os itens na plataforma, selecione profissionais da empresa para contabilizar a quantidade de cada produto e criar um inventário. O controle do estoque deve ser feito periodicamente.

As compras podem ser feitas com base no histórico de movimentação e feitas em maior quantidade, considerando que os fornecedores podem oferecer descontos para compras maiores.

Com softwares de gestão, é possível ter um panorama geral do estoque para evitar perdas e cortar despesas com aquisições desnecessárias. ERPs também facilitam no controle de permissões, que irão permitir que determinados funcionários aprovem a baixa no estoque, por exemplo.

Saiba seu custo operacional

Por ter as informações da sua empresa integradas, um ERP pode mostrar o valor real do seu custo operacional. Desta maneira, é possível aumentar a rentabilidade do seu negócio e aprimorar a gestão do seu fluxo de caixa.

Mas de nada adianta controlar os custos se a produção não estiver caminhando corretamente. Outra funcionalidade importante desses sistemas é poder controlar todas as etapas da produção em tempo real. Esse gerenciamento reduz custos e também evita desperdícios.

Receba pagamentos

Com muitos clientes e fornecedores, a gestão de pagamentos pode demandar horas de trabalho. Erros humanos podem acontecer, assim como atraso no pagamento.

As vantagens de ERPs é que as taxas dos boletos podem ser mais baratas. Em alguns casos, elas são pagas apenas na liquidação, a um custo fixo.

No caso de recebimentos com cartão, a facilidade também existem, mas é preciso sempre verificar os níveis de segurança da plataforma e se certificar de qe os dados dos clientes estarão totalmente protegidos.

É possível ainda emitir cobranças em massa e automatizar atividades trabalhosas, como a conciliação bancária. Para não precisar enviar arquivos de remessa e de retorno, ERPs podem se integrar com novidades lançadas recentemente no mercado, como a conta digital para empresas PJBank. A vantagem é que qualquer serviço bancário já é identificado na plataforma. Não é mais necessário registrar informações de pagamentos – tudo já fica disponível na plataforma de gestão.

Comentários

comentarios