Tecnologia imobiliária: tempo é dinheiro na locação de imóveis

Tecnologia imobiliária: tempo é dinheiro na locação de imóveis

Tempo é dinheiro.” Quando uma frase é tão conhecida a ponto de se tornar um clichê é porque, provavelmente, tem uma boa dose de verdade nela.

Trazendo-a para o mundo das imobiliárias, a economia de tempo resulta em economia de dinheiro ou na possibilidade de atender mais clientes e, portanto, faturar mais.

E isso tem relação direta com as soluções de tecnologia imobiliária, que permitem cumprir rotinas comuns nos serviços de intermediação no aluguel de imóveis com muito mais velocidade.

O que é tecnologia imobiliária?

Do jeito que estamos abordando aqui, tecnologia imobiliária é a utilização de soluções tecnológicas para melhorar a gestão e os serviços prestados pelas imobiliárias.

Então, embora você possa chamar de tecnologia imobiliária alguma funcionalidade moderna da internet das coisas utilizada em um imóvel, estamos nos referindo especificamente a softwares de gestão imobiliária.

Por que adotar soluções de tecnologia imobiliária?

Quanto mais imóveis e clientes a imobiliária atender, maior serão suas receitas. Sem usar tecnologia imobiliária, porém, o crescimento não será escalável. Seria necessário aumentar proporcionalmente a estrutura e recursos humanos da imobiliária para conseguir atender mais clientes.

Com um bom software de gestão para imobiliárias, várias funções repetitivas são automatizadas e abreviadas. Assim, será permitido crescer sem aumentar os custos, ou reduzir os custos atuais e melhorar o serviço prestado ao cliente.

“Investir em recursos tecnológicos para a sua imobiliária significa oferecer mais eficiência aos seus clientes e menos trabalho burocrático aos seus colaboradores, que poderão empenhar seu tempo de trabalho em ações que agreguem mais valor ao serviço prestado”, explica o Gerente de Produtos da Superlógica Imobiliárias, Luis Paulo Pereira.

“Além disso, utilizar a tecnologia como ferramenta para tarefas operacionais contribui, significativamente, para diminuição de erros manuais e, consequentemente, menor gasto financeiro”, aponta Pereira.

3 recursos de tecnologia imobiliária para gerir imóveis locados

Uma boa plataforma de tecnologia imobiliária traz soluções que otimizam diversas etapas da jornada do cliente.

A seguir, confira três recursos do Superlógica Imobiliárias que ajudam a ganhar tempo (e dinheiro) na gestão de imóveis locados.

1. Assinatura eletrônica

Quando um imóvel está na iminência de ser ocupado por um inquilino, este é um momento de muita expectativa — para o proprietário, que quer começar a receber a renda da locação, e para o inquilino, que não vê a hora de se instalar no novo lar ou negócio.

A entrega das chaves, porém, pode demorar um pouco, em função do moroso processo de documentação:

  • Redigir e revisar o contrato;
  • Obter a assinatura do administrador da empresa;
  • Encaminhar o contrato ao locador e ao locatário – às vezes sendo até necessária a presença de ambos;
  • Após recolhidas todas as assinaturas, os documentos impressos são levados ao cartório para abertura – caso não possuam – e reconhecimento de firma.

Aos passos citados acima, ainda pode haver mais um: a entrada do fiador como uma terceira parte. No fim, todo o processo de assinatura pode levar semanas.

Uma questão que poderia ser resolvida de forma muito mais ágil com um sistema de assinatura eletrônica.

É um recurso ágil, menos burocrático e cabível às necessidades dos clientes. E o mais importante: com validade jurídica!

Para entender como funciona o sistema de assinatura eletrônica, confira os artigos abaixo.

2. Régua de cobrança

Superadas as etapas de prospecção, visitas aos imóveis, análises de documentação, fechamento do contrato, vistoria e entrega de chaves, começa o processo de cobrança. Esse se repete mensalmente em todos os imóveis de aluguel geridos pela imobiliária.

Quanto maior o número de negócios fechados, mais receita a empresa tem. Por outro lado, também será maior o tempo que se dedica às cobranças.

A não ser que ela conte com uma tecnologia imobiliária que automatize o processo. É justamente essa a função da régua de cobrança, um recurso que permite configurar o envio automático de e-mail e SMS para os clientes com o boleto de pagamento do aluguel.

É possível estabelecer regras, sim! Por exemplo, enviar mensagens 5 dias antes do vencimento do boleto, na data do vencimento e 5 dias após o vencimento, já com o boleto atualizado.

É tudo automático: você configura a regra e depois não precisa mais se preocupar com os envios.

3. Split de pagamentos

Quando o inquilino paga o boleto, ainda tem um outro serviço essencial, que precisa ser feito com absolutamente todos os contratos de aluguel: a divisão do recurso entre os diferentes recebedores.

Isto é, receber o dinheiro pago pelo locatário e, subtraída a parte referente ao pagamento da imobiliária, repassar o valor para o proprietário do imóvel.

Se isso — o cálculo dos valores e a transferência — tiver de ser feito individualmente para cada imóvel, será um trabalho que toma muito tempo e, claro, a chance de ser cometido algum erro é enorme.

É aí que entra o split de pagamento, uma ferramenta que divide automaticamente uma receita entre diferentes recebedores.

Ou seja, configura-se uma regra e os valores são distribuídos de forma automática a partir dela, economizando tempo e dinheiro e eliminando as chances de erros.

Superlógica: plataforma completa para gestão de imóveis locados

Os recursos acima são alguns exemplos de funcionalidades da plataforma Superlógica Imobiliárias que descomplicam a gestão de imóveis locados.

Mas as facilidades que a ferramenta oferece não param por aí. Há ainda recursos como geração do arquivo para declarar a DIMOB com poucos cliques, entre outros tantos.

Quer saber mais? Fale com um especialista e experimente o Superlógica Imobiliárias.

Compartilhar

Comentários

comentarios