O poder do SaaS no mercado imobiliário

O poder do SaaS no mercado imobiliário

Você já deve ter ouvido falar muito sobre isso, mas você sabe por que o SaaS se tornou a nova grande novidade no mundo da tecnologia imobiliária? Isso é simples! Tudo gira em torno de oferecer mais valor para as imobiliárias – que são na verdade os usuários do software imobiliário – que precisam trabalhar com funcionalidades aprimorada, atualizações constantes e uma melhor experiência do cliente.

SaaS no mercado imobiliário

Mas o que é o SaaS exatamente? O Gartner define o SaaS como “um software que é entregue e gerenciado remotamente… com pagamento mensal por uso”. A microsoft já define o Software como Serviço como “permite aos usuários se conectar e usar aplicativos baseados em nuvem pela Internet”. Se você ainda não entendeu o que é SaaS,m a Superlógica, explica de uma forma inovadora “Se antes o consumidor pagava para adquirir um produto, hoje paga para ter acesso – o conceito de uma compra única está ficando ultrapassado. Com a economia da recorrência, o pagamento é recorrente.”.

split de pagamentos superlogica pjbank

Esse crescimento no mercado de SaaS não está diminuindo. Embora o SaaS tenha sido adotado pela primeira vez por empresas de alta tecnologia, ele ganhou popularidade em vários setores, incluindo o setor imobiliário. É por isso que muitos líderes de imóveis estão mudando para produtos SaaS, para gerenciar melhor suas propriedades, portfólio e resultado final.

Sistema Desktop x SaaS

Quando você pensa em software tradicional, provavelmente está pensando em software que precisa ser instalado no seu computador. É um software que você compra uma vez e instala internamente em seu próprio hardware. Isso costumava ser a norma para todos os softwares, até a invenção da tecnologia de nuvem no final dos anos 90.

Embora os softwares para desktop ainda funcionem e ainda sejam usados por muitas pessoas hoje em dia, ele apresenta vários inconvenientes, como por exemplo:

  • Caro para comprar e manter
  • Não atualizado em novas tecnologias
  • Inflexível e incapaz de se integrar com outro software

Quando você considera essas desvantagens, não é de admirar que muitas pessoas estejam considerando outra opção para o software.

A Explosão do SaaS para o mercado imobiliário

SaaS não é moda passageira. Ele está crescendo constantemente com uma grande participação de mercado a cada ano. Existem muitas razões pelas quais um número crescente de usuários corporativos decidiram mudar para o software baseado em nuvem.

O SaaS oferece vários benefícios em relação ao software no local, desde o momento em que você se inscreve, até anos em um contrato. Uma grande melhoria é que você pode pagar à medida que você vai e cancelar o serviço sempre que quiser. Se você não acredita que o software SaaS que você está usando fornece valor suficiente à sua empresa, você pode cancelar e tentar outro serviço.

Essa flexibilidade não é o único benefício. O SaaS fornece uma experiência melhor para os usuários, incluindo:

  • Menor custo de entrada – sem necessidade de servidores ou hardware
  • Ingresso mais fácil para novos usuários de software
  • Atualizações automáticas para o software
  • Melhor funcionalidade e integrações com outro software

Com tantas vantagens, é fácil ver por que o SaaS se tornou a escolha preferida para muitos setores.

Os benefícios para o setor imobiliário

À medida que o setor imobiliário se torna tecnologicamente mais avançado, o SaaS tem sido adotado com alta aceitação no mercado. Muitos dos maiores nomes de software em imóveis mudaram de local para SaaS à medida que a demanda aumentou. Além disso, há vários novos produtos SaaS criados especificamente para o setor imobiliário.

A eficiência de custos é indiscutivelmente um dos maiores benefícios do software imobiliário na nuvem. Tradicionalmente, seus dados seriam armazenados em grandes servidores físicos que não só custam milhares de reais, mas também exige uma equipe de TI instale, mantenha e atualize, além de precisar dessa equipe sempre presente. Esses custos podem se somar rapidamente, especialmente quando você possui taxas de licenciamento e contas de energia para se preocupar.

Por outro lado, o software imobiliário na nuvem mitiga todos esses custos, pois não há necessidade de sua própria infra-estrutura. Os seus dados são armazenados de forma segura na nuvem, economizando inúmeros custos com hardware e mão de obra.

Além disso, a nuvem permite que você atualize ou reduza seu armazenamento conforme necessário. Isso significa que você só paga pelo que precisa, o que lhe permite ser muito mais flexível e eficiente em termos de custos.

Sobre a Superlógica

Superlógica, ERP recorrente líder no Brasil, também uniu o modelo SaaS ao recorrente para oferecer uma melhor experiência aos consumidores. O software de gestão tem mais de 5 mil clientes no país e é direcionado a diversos segmentos, como assinaturas, imobiliárias, condomínios, agências de comunicação visual e educação. A empresa faturou mais de R$ 10 milhões em 2016 e estima crescer mais de 300% em 2017. Os fundadores da empresa também criaram recentemente o PJBank, uma conta digital para empresas.

A Superlógica desenvolve o software de gestão (ERP) líder do mercado brasileiro para empresas de serviço recorrente. Somos referência em economia da recorrência e atuamos em cinco segmentos de mercado: SaaS e Assinaturas, Condomínios, Imobiliárias, Educação e Empresas de Comunicação Visual.





Compartilhar

Comentários

comentarios