Dificuldade em inovar

A dificuldade em inovar no mercado imobiliário está com os dias contados

As novas tecnologias e modelos de negócio reinventam-se a todo momento, e inovar virou questão de sobrevivência. Esta verdade é realidade para vários segmentos do mercado, e com o mercado imobiliário não é diferente. Porém muitas empresas encontram-se estagnadas em seu crescimento.

A evolução faz parte do nosso dia a dia, mas o medo de errar não pode existir nesse contexto. Ficar preso ao passado e a processos burocráticos é um erro muito comum, até mesmo em grandes negócios.

Para que você não cometa os mesmos erros, Luis Paulo, CPO da Superlógica e inGaia Locação e CEO do Owli, nos conta exclusivamente em sua apresentação no JUMP!, que a dificuldade de inovar no mercado imobiliário ficou para trás.

Banner - Automatize sua Gestão

Não seja uma imobiliária do passado

Imagine-se vivendo na década de 80, e precisa alugar uma casa. Quais seriam os passos a seguir?. Existiam algumas forma dessa tarefa ser feita, mas as principais eram 3:

#1 Passear pelo lugar onde você queria morar e achar uma casa com um sinal de aluga-se;

#2 Comprar o jornal no domingo e olhar o caderno de classificados e;

#3 Ou ir direto a uma imobiliária e ver o catálogo de casas deles.

Quando você manifestava o interesse, havia uma necessidade imensa de ir diretamente na casa, fazer a vistoria, tirar as fotos, revelar as fotos, torcer para estarem em uma boa qualidade.” lembrou Luis. Além disso, existiam as complicações contratuais, os problemas com cartórios que eram mais demorados, dificuldades de marcar reuniões e por aí vai. Na hora de pagar, muitas vezes você o fazia com dinheiro na própria imobiliária e recebia via correios o boleto (ou a forma de cobrança) na sua casa.

O processo consumia tempo demais! Hoje isso é totalmente diferente. Por exemplo, os grandes classificados deixaram de existir e os próprios sites das imobiliárias exibem a informação de maneira mais clara com localização, fotos do lugar e outros dados técnicos. explica Luis Paulo. Para marcar uma visita, você pode fazer por e-mail, messenger ou whatsapp. O processo de fechamento do contrato é bem mais rápido, você pode pagar o boleto da sua casa, usando seu smartphone.

Muito mais agilidade e praticidade, certo?

Errado. Isso não está nem um pouco perto de ser o limite. Se preparem, que isso está em vias de ter uma grande mudança, e bem rápido.

O futuro do mercado imobiliário já é realidade

As novas tecnologias para imobiliárias são parte de um fenômeno conhecido como transformação digital, onde estão incluídas também as novas formas de se locomover – Uber, Cabify, etc., a internet das coisas, instantaneidade, internet móvel e intenso uso da web e redes sociais. Por esse motivo entender que o público vem mudando e usar os benefícios dessas mudanças fará do mercado imobiliário um setor cada vez mais forte e bem visto pelos seus consumidores.

Independentemente da colocação da empresa no mercado, em relação às suas concorrentes, ter visão, objetivos e estratégias é fundamental para o negócio de qualquer ramo prosperar afirma Luis Paulo.

E como você pode se posicionar a favor da tecnologia e como fazer que isso jogue ao seu favor e não contra?

NÃO JOGUE CONTRA !

A inovação chega e não bate na porta.

Uma grande ideia é aquela que muda a maneira que fazemos algo, e que deixa o jeito antigo obsoleto, responde Luis Paulo.

Fazer pesquisas regulares de mercado, buscando atualizar seu modelo com cases de sucesso, é uma das atitudes simples e diferenciais. Procurar por oportunidades e nichos objetivos para solucionar problemas em simples processos diários também são da contemporaneidade.



Compartilhar

Comentários

comentarios