A importância da vistoria de imóvel antes de alugar

A vistoria é uma etapa fundamental da venda, e principalmente, aluguel de imóveis. É uma garantia importante para locadores e locatários e para realizar um bom trabalho no mercado de imóveis. Sua principal função é assegurar que os imóveis locados sejam devolvidos nas mesmas condições que foram entregues, impedindo abusos entre ambas as partes.

Um bom corretor de imóveis precisa entender como realizar uma boa vistoria, assim evita problemas entre proprietários e inquilinos. Pensando nisso, trouxemos todas as informações que você precisa saber para ter sucesso nessa etapa da locação de imóveis!

O que é a vistoria de um imóvel?

A vistoria de imóvel é o ato de verificar um imóvel, observar todos os detalhes estruturais e de acabamentos e analisar sua habitabilidade – se está em condições de ser habitado.

Por isso, em um processo de vistoria todo o imóvel são analisados os aspectos importantes, como fiação, encanamento, acabamentos, pintura, vidros e mobília se houver.

Por que ela é importante no mercado imobiliário?

A vistoria de um imóvel serve basicamente para atestar quais condições o imóvel foi entregue ao locatário, e dessa forma, garantir que ele será entregue da mesma forma para o proprietário ao fim do contrato. É adotada pela maioria das imobiliárias porque evita conflitos entre as duas partes envolvidas no contrato de locação.

Quais são as melhores dicas para realizar uma boa vistoria de imóvel?

vistoria

Para um corretor realizar uma vistoria de imóvel, alguns passos são muito importantes. Conheça as melhores dicas para uma boa vistoria!

#1. Observe a fachada, portas e janelas

A dica é começar a vistoria verificando a parte de fora do imóvel, principalmente no caso das casas. Veja como está a fachada do imóvel e depois verifique se as portas e janelas funcionam corretamente. É importante observar se elas estão bem vedadas, pois caso a água da chuva entre com facilidade pode causar outros danos ao imóvel e representar problemas para quem está locando.

#2. Elétrica e hidráulica

Podem parecer partes mais difíceis de analisar, pois geralmente os defeitos estão escondidos dentro das paredes. O que pode ser feito pelo corretor responsável é verificar se a caixa de distribuição de energia é nova e se todos os disjuntores estão em dia, além disso, pode ser visto se o padrão das tomadas é novo ou antigo e testar todas elas, caso a energia esteja ligada.

Com relação ao sistema hidráulico, é importante verificar se todos os pontos de água do imóvel funcionam corretamente e se não há vazamentos. Por não ser possível fazer uma vistoria completa desses pontos, na maior parte das vezes, é estipulado no contrato que os danos estruturais são de responsabilidade do proprietário.

#3. Pintura do imóvel

Verificar a pintura do imóvel é uma parte simples e importante da vistoria do imóvel. Este item define se o imóvel será pintado antes de ser entregue ao inquilino ou se será entregue com a pintura antiga, isentando o locatário de pintar o imóvel no momento que for deixá-lo.

#4. Verifique trincos e fechaduras

Os trincos e fechaduras de um imóvel devem funcionar perfeitamente, ou seja, devem abrir e fechar com facilidade sem precisar de um “jeitinho”. Caso tenha algum empecílio podem travar ou emperrar, por isso é necessário constar na vistoria.

#5. Teste itens que são utilizados no dia a dia

Os itens que mais podem gerar problemas ao locatário se funcionando mal, são aqueles que utilizamos diariamente. Por isso, preste atenção redobrada se os vasos sanitários, pias, chuveiros e box, tomadas e cabos de rede estão funcionando bem. Essas são coisas que se não estiverem com o funcionamento perfeito, provavelmente, precisarão ser consertadas antes que o inquilino se mude.

#6. Atenção à mobília

Caso exista alguma mobília no imóvel observe com cautela seu estado. Preste atenção se a estrutura está em boas condições e se as portas estão bem alinhadas. Caso não esteja sendo utilizável considere remover ou consertar, já se estiver tudo em ordem é importantíssimo que conste na vistoria para evitar problemas, pois podem ser removidos ou danificados com facilidade.

#7. Danos aparentes

Observe com cuidados os danos aparentes no imóvel, já que podem significar problemas estruturais, possíveis causadores de ainda mais estragos. Fique atento ao bolor, infiltrações, mofo, partes quebradas, vidros trincados, entre outros danos. Devem ser registrados e discutidas possibilidades de reparo com o proprietário.

O que não pode faltar em um contrato de vistoria de imóvel?

Além de todos esses itens que já citamos, algumas outras coisas não devem ser esquecidas na hora elaborar um contrato de vistoria. São elas:

  • Fotos de todo o imóvel, comprovando o que está danificado e o que não está;

  • O olhar cuidadoso de um corretor de imóveis ou profissional especializado em vistorias;

  • Assinatura do proprietário e inquilino comprovando tudo o que consta no documento.

Qual é o valor jurídico de uma vistoria de imóveis?

O valor jurídico da vistoria de imóveis existe desde que este esteja anexado ao contrato de locação. Dessa forma, qualquer divergência entre o laudo e a realidade pode ser discutida judicialmente entre as partes. Na maior parte das vezes, isso não se faz necessário, já que o laudo de vistoria esclarece possíveis divergências.

Quais ferramentas podem ajudar o corretor de imóveis a realizar uma boa vistoria?

Realizar a vistoria não é exatamente uma tarefa simples, são muitos detalhes para serem observados. Foi pensando nisso que o Superlógica, desenvolveu um aplicativo exclusivo para facilitar o processo de vistoria do imóvel.

Para agregar mais inteligência e ter produtividade na sua imobiliária vale a pena contar com essa tecnologia no seu negócio. A principal vantagem de utilizar o app é que todos processos são realizados dentro dele. Não é apenas mais uma ferramenta, é uma forma definitiva de tornar seu negócio mais eficiente, o que pode ser muito lucrativo. O app evita desperdícios de tempo e recursos e ajudam sua imobiliária a realizar a vistoria de imóvel de forma muito prática.

Por meio do aplicativo é possível cadastrar a vistoria diretamente no sistema da imobiliária. O profissional responsável acessa as vistorias agendadas para ele e se desloca até o local no horário marcado. É possível pré estabelecer um modelo de vistoria para ser preenchido, mas isso é opcional.

Os dados ficam armazenados diretamente no sistema da imobiliária juntamente com a fotos que podem ser tiradas pelo app e enviadas com as informações. Por dentro do aplicativo, a imobiliária pode acessar os dados da vistoria, conferir e fazer alterações, e em seguida, imprimir o laudo.

Vantagens de utilizar o aplicativo para vistoria de imóvel

Já citamos algumas vantagens de utilizar o aplicativo para vistoriar um imóvel, mas em resumo, as principais vantagens do aplicativo são:

  • Integração: não é necessário anotar em um papel, digitar e inserir em um sistema ou inserir no app e depois no sistema da imobiliária. Com o aplicativo desenvolvido pelo Superlógica e Ingaia Locações só é necessário inserir as informações somente no aplicativo e elas são enviadas para o sistema de gestão da imobiliária;

  • É mais ágil: Realizar todos os processos em um mesmo app é muito mais simples do que anotar tudo em um papel e duplicar os dados em mais de um sistema;

  • Permite trabalhar offline: O aplicativo só exige conexão para fazer o login, enquanto está vistoriando pode trabalhar offline. Isso é ótimo já que alguns imóveis não contam com internet.

  • Comparação de fotos: Permite comparar as fotos da entrada do inquilino com as de sua saída, já que todos ficam armazenadas no app.

Com essas dicas e ferramentas a sua imobiliária não precisa mais preocupar-se com um processo de vistoria complicado. Essa tarefa torna-se incrivelmente prática, reunindo tudo o que um corretor precisa para realizar a vistoria em um único lugar.

Conheça o superlógica imobiliárias e saiba mais sobre o aplicativo de vistoria de imóvel com as funções de checklist e comparações de antes e depois da vistoria.

Gostou desse conteúdo?

Junte-se a mais de 1600 imobiliárias e seja o primeiro a receber as nossas novidades e dicas!


Comentários

comentarios