assinatura-cadillac

GM oferece serviço de assinatura de Cadillacs por US$ 1,5 mil por mês

Comida, vestuário, serviços, informações, músicas, filmes e séries: a economia da recorrência transformou a forma como consumidos tudo isso. O próximo alvo é a indústria automobilística. E, dessa vez, não é um novo player no segmento que quer mudar o jogo. É uma gigante do ramo que atua no mercado desde 1908: a General Motors.

A nova tacada da GM é o Book By Cadillac, serviço de assinatura mensal que dá acesso a um catálogo de carros de luxo da marca Cadillac. “O serviço é inovador. Ele oferece uma nova opção para quem procura carros de luxo e quer ter acesso a eles quando precisar, dependendo das suas necessidades”, disse Uwe Ellinghaus, CMO da Cadillac, em comunicado oficial.

Não é a primeira iniciativa da empresa para tentar inovar na indústria automobilística. Em janeiro de 2016, a GM investiu US$ 500 mil na Lyft, empresa de compartilhamento de viagens (concorrente da Uber e da Cabify). Além disso, lançou o Maven no mesmo ano, serviço de compartilhamento de carros da marca Chevrolet.

Como funciona o Book By Cadillac?

O Book By Cadillac custa US$ 1,5 mil mensais com uma taxa de adesão de US$ 500. Por esse valor, o usuário tem acesso a todo o catálogo de carros da marca. Entre eles, estão inclusos todos os veículos das linhas Escalade (SUV mais famoso da marca), XT5 (tem versões sedan e crossover), CT6 (nas versões sedan e híbrida) e V-Series (carros de alta performance). A listagem completa fica disponível no aplicativo do celular (também pode ser conferido no site da marca).

Carros disponíveis no serviço

Todos os modelos vem com OnStar, sistema que fornece navegação, resposta automática a colisão e assistência rodoviária. Além disso, o veículo serve como um ponto de acesso wi-fi, permitindo com que todos os dispositivos do condutor estejam conectados.

No período de um ano são permitidas 18 trocas de veículos. A ideia é que “o membro possa ter acesso a um SUV e a um carro de alta performance no fim de semana”, segundo o site da marca. Basicamente, por meio de pagamentos recorrentes, o usuário tem acesso a uma garagem de carros de luxo da Cadillac.


O serviço só está disponível em Nova Iorque, Estados Unidos. Mas a empresa diz que o objetivo é expandir para outros mercados no futuro. Assim, o motorista poderá pegar seu Cadillac, ir até o aeroporto, viajar de avião e alugar outro automóvel no seu novo destino.

Para virar membro, o interessado precisa:

  • Ser maior de 18 anos
  • Ter uma carteira de motorista válida nos Estados Unidos que não esteja suspensa ou bloqueada
  • Aceitar os termos e condições

Tudo via mobile

Os pedidos são feitos por meio de um aplicativo para celular. Lá o usuário pode ver qual carro está disponível e escolher qual se encaixa mais nas necessidades do momento.

Após solicitar, o carro é entregue em local, data e hora combinados por um concierge. Ele, se necessário, explicará todo o funcionamento do veículo, que virá com snacks e garrafa d’água.

O que está incluso? O que não está?

O serviço realiza cobranças recorrentes com valor único e mensal. Ou seja, se o cliente dirigir 5 metros ou 5 mil quilômetros pagará o mesmo. Além disso, a assinatura inclui:

  • Seguro
  • Licenciamento e renovação
  • Impostos
  • Manutenção

Mas alguns custos não estão inclusos na mensalidade. Por exemplo, o serviço oferece um dispositivo de identificação automática (como o Sem Parar ou ConectCar aqui no Brasil) em pedágios ou estacionamento de shoppings e supermercados. Mas as tarifas são todas bancadas pelos usuários e cobradas nas assinaturas seguintes ao uso.

O carro é entregue com o tanque de combustível parcialmente cheio, geralmente com ¾ da capacidade. É exigido que o carro seja entregue com a mesma quantidade que foi recebido. Se não for, o serviço repõe o combustível e cobra do consumidor levando em conta a média que os postos cobram naquela região.

O mesmo acontece com multas. Se ocorrer alguma infração de trânsito, a GM tentará passar a multa para o nome do assinante. Mas, se isso não for possível, quitará a dívida e repassará o valor na fatura seguinte.

Afinal, vale a pena o serviço de assinatura de Cadillacs?

O preço de um Cadillac Escalade, um dos carros oferecidos no catálogo, é de US$ 75 mil  nos Estados Unidos, de acordo com o site da própria Cadillac. O valor da mensalidade do Book By Cadillac, US$ 1,5 mil, é 1/50 disso. Ou seja, se o carro fosse financiado com parcelas deste valor, o consumidor precisaria de 50 meses, ou 4 anos e 2 meses, para quitar a dívida. Isso sem contar o valor dos juros.

Ao final deste período, o valor de mercado do Escalade seria bem menor. Além disso, o usuário precisaria bancar do próprio bolso licenciamento, renovação, manutenção e seguro.

Para alugar um Cadillac Escalade no sistema de leasing norte-americano, o interessado deve desembolsar a quantia mensal de US$ 750. Normalmente, os contratos de alugueis de carros nos Estados Unidos são anuais. Nesse período, o usuário não pode trocar de carro e tem de bancar seguro e manutenção por conta.

O serviço é voltado para pessoas com alto poder aquisitivo. Afinal, utilizar carros da marca Cadillac custa muito dinheiro. Para quem se encaixa nesses requisitos, o Book by Cadillac pode ser uma alternativa muito interessante. Não apenas pelo valor valer a pena no fim, mas também pelas vantagens que o serviço disponibiliza como poder trocar de carro 18 vezes ao ano, não precisar se preocupar com licenciamento, seguro e manutenção.


Comentários

comentarios